Mudanças climáticas e erosão costeira no Rio de Janeiro

A imprensa brasileira não dá quase nenhuma atenção ao tema das mudanças climáticas e o “governo” (não apenas o federal) finge que o assunto é tema para cientistas ou apenas tenta responsabilizar os outros, passar o pires, pedir mais dinheiro para um tal “Fundo Amazônia” que não decolou.

São muitos os estudos sobre o tema, e tantos que não vale, aqui, repetir os seus indicadores, resultados, conclusões.  Até porque a quase totalidade é redigida de maneira ininteligível para os mortais comuns, não especializados, sem qualquer preocupação com um sumário executivo inteligível.  Raros dentre esses estudos fazem menção às inevitáveis perdas econômicas para os cidadãos e as cidades, para a infraestrutura e para a economia brasileira, inclusive as mais evidentes, como portos e hidrelétricas.

Continuar lendo Mudanças climáticas e erosão costeira no Rio de Janeiro

Estocagem de vento e lerdeza na gestão do setor elétrico

Durante algum tempo, a turma se divertiu com as falas sem nexo de Dilma Roussef.  Numa delas, abaixo, a ex-uma porção de coisas – presidente, secretária de energia do governo do Rio Grande do Sul, ex-ministra da Energia, etc, fala em “estocagem do vento”.  Se tivesse tido ou ouvido assessores mais interessados em informá-la sobre avanços tecnológicos e alternativas de estocagem – não dos vendos, mas da água nos reservatórios de hidrelétricas, Dilma teria evitado esse constrangimento.

Continuar lendo Estocagem de vento e lerdeza na gestão do setor elétrico

Seca a lerdeza do poder público – Cagece, Cesan, Caesb e congêneres

O Nordeste passa por uma seca que já dura há cinco anos, considerada a pior dos últimos 100 anos, para alguns, ou dos últimos 50 anos, para outros (dependendo da extensão da área considerada).   A escassez de recursos hídricos não se restringe à região nordeste do país, mas estende-se ao Espírito Santo e a Brasilia. Iniciativas tomadas pelas concessionárias de água e esgoto locais merecem comentários.

Continuar lendo Seca a lerdeza do poder público – Cagece, Cesan, Caesb e congêneres

A Índia comprova a viabilidade de barcas solares de passageiros

O estado de Kerala, na Índia, comprovou a viabilidade técnica e econômica de embarcações solares, com redução de 97% nos custos operacionais de embarcações de transporte público com capacidade para 75 passageiros sentados.

Continuar lendo A Índia comprova a viabilidade de barcas solares de passageiros

Trump e sua equipe de demolidores liquidam a Agência de Proteção Ambiental e o Departamento de Ciências da Terra da NASA

Donald Trump resolveu que todas as informações da Agência de Proteção Ambiental – EPA, na sigla em inglês – serão objeto de avaliação política antes de tornadas públicas.   Essa decisão inclui até mesmo monitoramentos de rotina de qualidade do ar (no Brasil, tudo isso já é feito informalmente).

Continuar lendo Trump e sua equipe de demolidores liquidam a Agência de Proteção Ambiental e o Departamento de Ciências da Terra da NASA